728x90 AdSpace

  • Plantão

    O OLHAR DO CIDADÃO: Crise e política: como nos proteger

     Olá, sejam bem-vindos a coluna "O OLHAR DO CIDADÃO" Aqui no site de noticias "Anchieta Online".
    Antes de tudo quero parabenizar os Funcionários Públicos de nosso município pelo show de exercício da democracia e cidadania, se fazendo presente e melhor expondo suas vontades e o mais importante deixando claro que não abrirá mão de seus diretos garantidos em lei.

    Quero parabenizar também os vereadores que se mostraram atentos aos anseios do povo e principalmente da maioria como rege a democracia.
    Meus parabéns a todos e não deixem de se fazer presentes e atentos à defesa de seus direitos.

    Trabalhar com dinheiro é fácil ! Agora sem dinheiro...
    Semana passada vimos na Câmara de Anchieta uma verdadeira demonstração de contradição ou deboche político, onde um grupo de vereadores reconhecidamente defensores da atual administração (coisa que não consigo entender,pois o vereador é eleito para ser olhos do povo fiscalizando e defendendo nossos direitos) fizeram uma indicação para que o presidente da casa, o Vereador Tássio Brunoro fizesse um repasse de 2 milhões para que a administração mantenha  o transporte  universitário .

    Mais uma vez isso foi uma maneira de ficar bem com os universitários, haja vista que em época de campanha estavam fazendo politicagem como gostam de falar, em um protesto feito em 2016m, onde empresas de ônibus realizaram uma paralisação rapidamente resolvida na justiça pelo ex-gestor Marcus Assad.

    Desta vez o assunto se faz muito mais grave, pois o atual gestor no meio do ano em fim de contrato com as empresas de ônibus resolve que não mais manteria o benéfico, deixando todos pegos de surpresa e muitos por este motivo com risco de perder o período da faculdade por falta de condições financeiras para pagar o transporte.

    Porém um meio mais seguro de garantir não só esse ano, mas todos os outros anos veio através de projeto de lei representada pelos vereadores Beto Calimam, Robson Mattos, José Maria, Geovane Meneguelli, Alexandre Assad e Tássio Brunoro. Projeto este que garantiria de uma vez por todas a situação do transporte universitário de nosso município. No entanto como já previa, o grupo da atual administração foi totalmente contra.

    Ai sou chamado de insignificante pelos simpatizantes da atual gestão, isso para não falar outros termos não publicáveis. Pergunto: Estão estes vereadores realmente preocupados com situação dos estudantes? Lembrando que os mesmos há quase um ano atrás se fizeram presentes em apoio aos universitários e hoje quando tem a oportunidade de resolver a situação votam contra.

    Qual o intuito de fazer uma indicação que em nada resolve a não ser passa a responsabilidade do poder executivo para o poder legislativo? pior sem ao menos comunicar ou conversar com o presidente da casa.
    Isso é politicagem, como gostam de falar, de se esconder ou passar a responsabilidade para outro.
    Por isso eu falo, acompanhe seu vereador, cobre seus direitos e observe se realmente esta defendendo o povo ou interesse de terceiros, fazendo isso você não só estará assegurando seus direitos, mas também se assegurando de quem é quem.

    Novamente digo: nossa situação não A MESMA DE 10 ANOS ATRÁS, mas esta crise não começou em 2017 e sim 3 anos atrás . Ninguém disse que era fácil ou que será, mas mesmo assim não temos para novos investimentos, mas para manter o básico temos sim.
    Quando precisamos economizar em casa não cortamos a comida, remédios muito menos a educação de nossos filhos.
    Fernando Lyrio, autor da coluna.

    Portanto senhores, hoje responsáveis em conduzir nossa cidade, comecem cortando na carne os próprios salários, nas diárias e até novas obras como já estão falando na reforma de Escolas Orla de Ubú e Orla de Iriri, deixem isso mais para frente quando as coisas melhorarem, vamos agora investir na Saúde, Educação, Pesca e Agricultura, parem de passar uma visão de nosso município destruído e acabado e mostrem quem realmente somos, uma terra de pessoas capazes inteligentes.

    Vamos atrás de novas empresas para o município e se preparar para a volta da Samarco preparando nossos cidadãos e principalmente nossas leis para que essas vagas de empregos fiquem aqui e que cada um possa concorrê-las de igual para igual.

    No mais vou ficando por aqui semana que vem eu volto, um bom fim de semana a todos e que deus nos abençoe . 


    • Comentar no Site
    • Comentar no Facebook
    Item Reviewed: O OLHAR DO CIDADÃO: Crise e política: como nos proteger Rating: 5 Reviewed By: Aldomário Paradizo
    Scroll to Top